“Uma estranha prostração…”

Authors

  • Ana Vaz
  • Nuno Figueiredo

DOI:

https://doi.org/10.25754/pjp.2008.4586

Abstract

Resumo: A forma letárgica de invaginação intestinal é rara, estando o choro, sinal clássico de apresentação ausente. Apresenta-se o caso de um lactente de 9 meses, com vómitos persistentes e prostração que alternava com períodos de boa disposição. Cerca de 30 horas após o início do quadro apresentava dor e defesa no flanco direito e teve uma dejecção com sangue. A ecografia abdominal efectuada confirmou o diagnóstico. A redução hidrostática ecoguiada foi feita com sucesso. Neste lactente a forma de apresentação levou a um atraso no diagnóstico, felizmente, sem complicações para a criança. Dada a importância do diagnóstico precoce de invaginação intestinal, com vista a um tratamento atempado, sem complicações, é necessário ter presente a possibilidade de manifestações atípicas, como no caso descrito.

Downloads

Download data is not yet available.

Issue

Section

Case reports